Mente

A mente é o lugar do pensamento, crenças, memórias, desejos, esperanças, análises, etc. A mente é considerada pelos dualistas como uma substância imaterial, capaz de existência como uma entidade consciente, independente de qualquer corpo fisico.

Materialistas metafisicos, por outro lado, consideram-na como ou o cérebro ou uma entidade separada de mas tornada possivel pelo trabalho do cérebro. Esta doutrina tem o nome de epifenomenalismo. Para uma "mente" materialista é um termo geral para o conjunto de processos ou actividades que se podem reduzir a processos cerebrais, neurologicos e fisiologicos.

Os behavioristas consideram "mente" um termo para um conjunto de comportamentos.

Provavelmente, nada há de mais fascinante em filosofia ou neurologia que a mente ou consciência. Contudo, apesar da mente humana ter tornado possivel ganhar compreensão do mundo e de nós, é pouco compreendida. Não há modelo de acordo comum sobre qualquer função principal do cérebro. Por exemplo, a memória é algo que todos temos num grau ou noutro. Contudo, não compreendemos a natureza da memória e vários modelos são plausíveis. Modelos da mente e da consciência continuam a ocupar os cérebros dos nossos melhores filósofos. Mas, apesar da chave da compreensão da mente estar no estudo do cérebro, muitos filósofos e psicólogos, continuam a ser guiados pela crença de que a mente pode ser compreendida independentemente do cérebro. Esta crença da mente como uma substância que existe independente do cérebro, embora implausivel, parece ser requerida pela maior parte das religiões, bem como por noções da Nova Era e das suas terapias.


Links

recuarhome